“Máquinas Mortais” me fez sair da minha zona de conforto, confesso que gostei, apesar de que, no início fiquei um pouco sem conseguir imaginar cidades que andavam e devoravam cidades...