Fiquei muito feliz quando recebi da Editora Planeta o livro Raio de Sol da autora Kim Holden. Comecei a gostar dele logo quando li a frase da capa Todo mundo tem um segredo. O dela é sempre ver o lado bom das coisas. Ela é Kate Sedgwick, realmente um exemplo de otimismo.

Uma jovem mulher de 19 anos que se mudou da Califórnia para Minnesota para fazer faculdade. Apesar da pouca idade Kate já passou por muita coisa, seu passado foi duro, marcado por muitas decepções e tristezas e seu presente não está livre de dolorosos problemas. Contudo Kate é do tipo que sorri e segue em frente, pois não gosta de permanecer na tristeza. 

Kate me conquistou, lendo fiquei tentando conhecê-la melhor, tentando entender a personalidade dessa pessoa que usa palavrões e também a palavra fofo. Ela me mostrou que é possível ser desboca e descolada, mas também meiga e sensível ao mesmo tempo, me pareceu uma figura!

A personagem gosta dos prazeres simples da vida, ama café e música, principalmente a música de Gus, seu amigo de infância que está iniciando uma carreira de sucesso com sua banda de rock. Ela conhece Gus “desde sempre” e logo fica claro que eles se amam. Eu até torci por um romance entre eles, mas isso só até aparecer Keller Banks, o lindo atendente da cafeteria por quem Kate se apaixona.

A maior parte da história é narrada por Kate, mas há alguns capítulos narrados por Keller, o que achei muito bom, pois nos permite conhecer também os sentimentos dele. A leitura é envolvente, engraçada e em alguns momentos excitante. A obra tem seu lado triste (bem triste) e também vale mencionar que a autora incluiu uma série de assuntos sérios, abordados com menor intensidade por não ser o foco,mas tudo muito bem encaixado na trama.

O romance entre Kate e Keller demora a acontecer e quando acontece somos surpreendidos por novas revelações. Cada um deles carrega um segredo que revelados mudam o rumo de tudo. Vale à pena chegar até as ultimas páginas para descobrir o desenrolar da história.

Raio de Sol

Não é um drama incomum ou surpreendente, mesmo assim gostei muito da leitura. Os personagens são cativantes, principalmente Kate que tem um jeito muito espontâneo e de uma maneira despretensiosa e bem natural nos dá boas lições. Ela nos mostra o quanto devemos dar valor as coisas importantes da vida, aquelas que realmente têm valor. Felizmente muitos de nós já sabemos disso e procuramos agir assim, mas é sempre bom quando alguém nos lembra. Raio de Sol é o apelido que Kate recebeu de Gus, ele a chama assim por reconhecer seu otimismo.

O livro é isso, uma boa dose de estímulo e sei que toda vez que eu olhar para essa capa na minha estante vou me lembrar dos seguintes incentivos: Você é corajosa! Faça épico! Posso fazer disso um mantra e agradeço muito a Kate, a autora e a Editora Planeta por isso. Gostou da resenha? Eu gostei muito do livro e recomendo! Beijos.

Resenhas Escrita por Nathalia enquanto colunista do Coisas de Mineira.

_______________________________________________________________________________________________________________

Título: Raio de Sol
Autor: Kim Holden
Páginas:445   
Ano 2016
Editora :Planeta
Onde comprar: Amazon