Layla da autora Colleen Hoover,  chegou as livrarias pela editora Record esse ano e é a primeira vez que a autora se aventura em um romance paranormal.

Conhecida pelo gênero jovem adulto, Colleen é uma autora bem controversa em suas histórias. Particularmente tinha muito tempo que não me aventurava em uma obra da autora, só vim a ler ano passado com o lançamento de Verity uma mistura de suspense com romance, (tem resenha aqui no blog).

Gostei de Verity e resolvi que me aventuraria em sua nova obra Layla. A sinopse nos apresenta uma jovem que se apaixona a primeira vista por um dos músicos do casamento de sua irmã e resolve viver um romance com ele.
Entretanto essa historia não é contada pela Layla e sim por Leeds Gabriel o carinha que também se apaixona a primeira vista por ela, a vida deles tá indo bem, mas tudo muda completamente quando a ex do Leeds, atira na cabeça da Layla e nele. Os dois sobrevivem e nos próximos seis meses precisam lutar para melhorar.

O problema é que durante esse período de recuperação, Leeds, acha que se tornou cuidador da mulher que ama e  isso faz com que ele sinta que estão se afastando, e é nesse momento que ele vê que a pousada onde se conheceram está a venda e vê nisso uma oportunidade para o os dois tentarem se reencontrar, entretanto ao chegar a mansão as coisas não saem como planejado e coisas sem explicação começam a acontecer, e a chegada de uma nova pessoa mexe ainda mais na dinâmica do casal.

Nesse enredo Leeds é nosso narrador e ele fala, gente e como esse moço fala, como passamos algumas boas parte da trama na cabeça dele, acabei não criando empatia pelo personagem que além de ser muito mimado, egoísta e algumas vezes muito estranho e doido,  sua forma de lidar com os acontecimentos e sua obsessão pela Layla fazem com seja difícil criar simpatia por ele, em alguns momentos ele é intragável.

Layla - Colleen Hoover

Em contra temos a Layla com sua personalidade alegre, divertida e confiante, que dança de um jeito muito sem ritmo só para deixar o carinha que ela achou que estava triste um pouco mais alegre, a forma brilhante que ela deixa a vida do Leeds te conquista e você acaba se apaixonando pela personagem mesmo que no decorrer da narrativa, seu brilho vai apagando como consequência tentativa de homicídio da qual foi vítima.

E temos também a  Willow uma personagem que traz uma pitada de intriga para a  trama, e nos faz perguntar “Quem é essa mulher?! De onde ela veio?! Será que só esta na história para separar o casal e causar mais maus entendidos em uma relação já complicada? E o que que esta acontecendo tem a ver com ela?! ”

Mais que todos esse personagens o que fez Layla ganhar quatro, quase cinco nas minhas notas foi seu plot twist e a forma lenta o qual Colleen criou essa narrativa, algumas vezes parece que estamos andando em círculos e outras que perdemos alguma coisas no decorrer daquela mansão, mas o que causa uma certa claustrofobia no leitor, tudo ali parece suspeito, principalmente Leeds que cada vez mais parece menos de confiança.

Enfim o que comentei sobre Layla é um pontinho bem mínimo no meio desse oceano que foi toda a narrativa da Colleen, tentei ter o máximo de cuidado para não dar spoilers importante para  obra e deixar que ela te surpreenda como fez comigo e minha dupla, já que esse livro fez parte do projeto leitura em dupla do #ClubedolivroBH.

____________________________________________________________________________________________________________

Titulo: Layla
Autora: Colleen Houver
Ano: 2021
Páginas: 368
Editora: Galera Record
Gêneros: Suspense e Mistério, Terro
Compre usando nosso link da AMAZON