Gênero: Drama, Romance | Orçamento: $ 30 milhões | Duração: 2h Distribuidor: Diamond Films

No filme, “O Espaço Entre Nós”, Gardner Elliot (Asa Butterfield) é um adolescente que nasceu em Marte e tem o sonho de ir para a Terra, conhecer seu pai biológico. A mãe de Gardner foi uma astronauta que viajou em uma missão ao planeta sem saber que estava grávida e morreu ao dar a luz. Criado por cientistas, o único contato que o garoto tem com a terra é com Tulsa (Britt Robertson), uma adolescente órfã, com quem ele conversa pela internet. A menina, no entanto, só sabe que o garoto tem uma doença rara que o impede de sair de casa, não a verdade: Gardner é um humano, nascido em Marte e segundo os cientistas seu corpo não suporta a gravidade do nosso planeta.

Quando vi o trailer tive o seguinte pensamento: não posso perder esse filme. Mas acabei perdendo. Faculdade e trabalho apertaram e não deu para ir, mas imagina qual foi a minha alegria em saber que a Tia Netflix tinha colocado ele no catálogo? Enorme, então vamos começar.

O filme possui algumas passagens de tempo: o momento em que os astronautas embarcam, quando descobre que uma deles está grávida, mostra o parto e depois já pula para quando Gardner está adolescente. Apesar das várias passagens o filme não deixa pontas soltas, seguindo uma linha do tempo em cada uma das transições, apresentando os fatos principais em ordem.

O longa acaba mostrando a jornada de Gardner para chegar até a terra e depois para encontrar o seu pai, sem saber nenhuma informação dele além de uma foto. O garoto conta com a ajuda de Tulsa durante o caminho e os dois acabam se apaixonando. Em meio a perseguições e desentendimentos, além do fato de talvez o corpo do menino não aguentar estar na Terra, o Espaço Entre Nós é um filme água com açúcar que me emocionou em alguns momentos e para quem gosta do gênero é uma boa escolha.

A ficha técnica do filme tem um peso enorme: a direção ficou por conta do britânico Peter Chelsom, que tem em seu currículo produções como “Hannah Montana: o filme”, “Dança Comigo?” e “Escrito nas Estrelas”. Asa Butterfield atuou nos filmes “A Invenção de Hugo Cabret”, “Ender’s Game – o jogo do exterminador” e “O Lar das Crianças Peculiares”. Já Britt Robertson, interpretou Cassie Blake na adaptação americana The Secret Circle, além de Cassey Newton em “Tomorrowland – Um Lugar Onde Nada é Impossível”.