{ #RESENHA } SOMOS TODOS EXTRAORDINÁRIOS – R.J. PALACIO

14 setembro, 2017 por
Somos Todos Extraordinários | Autor: R. J. Palacio | Ano: 2017 | Páginas: 32 | Editora: Intrínseca | Infantojuvenil
Eu não sei vocês, mas eu estou super ansiosa pra que chegue logo o dia da estreia cinematográfica de Extraordinário. Eu simplesmente amei a história e não satisfeita em guardar esse amor só pra mim, entrei numa de ficar indicando o livro pra todo mundo, querendo que outras pessoas também se emocionem e se apaixonem por ele. O legal é que está dando certo, pois até agora todos que aceitaram a indicação gostaram muito. 
A propósito, você já leu né?! Se não leu, sugiro que pare essa resenha agora, pegue o livro ou (leia nossa resenha aqui), se encante e quem sabe até derrame lágrimas com ele. A sugestão também é válida, pois a partir de agora o texto irá conter alguns “spoilers” e ficará sem graça ler Extraordinário já sabendo dos acontecimentos que eu irei mencionar. Se aceitar a sugestão, não deixe de voltar aqui pra gente conversar sobre! Beijo da Nat.
Bom, se você ainda está lendo é porque já leu Extraordinário (ou porque é teimoso(a), mas tudo bem). Responde pra mim: O livro não é mega fofo?! Eu queria abraçar o Auggie! Amo desde a capa, quando me deparei com aquele desenho de um olho só e li “Não julgue um livro  menino pela capa cara”. O fato é que fui me encantando, grudei  igual chiclete e no fim queria levantar e aplaudir de pé tudo aquilo.
Estou com saudade dos personagens… Quero logo ver o filme… Mas enquanto ele não chega pude matar a vontade com essa versão fofa. Quando eu descobri que R. J. produziu um volume extra, ilustrado eu logo quis… Eu sei que é uma versão infantil, curtinha, colorida, mas meu lado infantil berrou e minha criança interior precisava de um. Somos Todos Extraordinários é uma nova história bem menor e mais simples, mas que não perdeu aquela essência que tanto me encantou.
Sabemos que a deformação facial, resultado de uma síndrome genética, deixou o rosto de Auggie bem diferente. E não é nada fácil pra ele conviver com essa diferença. Ele sabe que não é um garoto comum e é sobre isso que lemos nessa obra. O menino narra a historia em primeira pessoa e vai nos contando um pouco de sua rotina e do que gosta de fazer, mostrando que apesar da aparência incomum é uma criança como qualquer outra.
O importante papel da mãe de Auggie me comoveu na obra inicial e é novamente mencionado. Neste livrinho ele relata a dificuldade em lidar com a discriminação, sua tristeza, o uso do capacete de astronauta para cobrir o rosto e mergulhar em um mundo de fantasia. Tudo tem uma linguagem adequada ao público infantil. A cachorrinha Daisy reaparece em Somos Todos Extraordinários e acompanha seu dono em suas aventuras. É muita fofura!
Resolvi me presentear com esse volume, queria muito lê-lo e vou guardá-lo com carinho, pois quando eu for mãe quero muito que meu filho(a) conheça a história e tendo essa edição, que é totalmente voltada para as crianças, não precisarei esperar muito. Se você tem filhos ou se um dia quiser presentear uma criança com um livro eu indico Somos Todos Extraordinários, a trama é amor do início ao fim.
Intolerância, preconceito, discriminação, são atitudes condenáveis ainda presentes em nossa sociedade. Comportamentos assim precisam mudar. Se as crianças forem ensinadas a conviver bem com as diferenças o mundo certamente será mais amável. Uma obra sensível como essa merece todo meu respeito. Sou fã. E você? O que acha de Extraordinário e dessa nova história ilustrada? Beijo da Nat.

veja os posts relacionados

Deixe seu comentário

20 Comentários

  • Georgia @stupidlambgirl
    outubro 01, 2017

    Oi!
    Honestamente, eu já me perdi com tantos lançamentos sobre Extraordinário. Vem resenha, vai resenha, a coisa só piora pra mim. Minha sugestão e pedido é: quando a resenha do filme for feita, adicionar a sequência dos livros publicados e uma breve explicação.

  • Marta Izabel
    setembro 30, 2017

    Oi, Nat!
    Sou uma pessoa bem teimosa, e acabei lendo sua resenha!!! Ainda não li Extraordinário mas pretendo fazer isso antes do lançamento do filme!! Então, sem dúvida sua resenha já me deu coragem para fazer essa leitura tão necessária!!
    Bjoss

  • Carol Campos
    setembro 29, 2017

    Teimosa presente! Muito bom ter um novo volume mesmo que seja apenas ilustração e mais voltada para crianças! Até estava no intuito de adquirir ele juntamente com o livro que mas, irei pensar melhor. Essa história é maravilinda, e quanto ao filme, estou louca para conferir essa adaptação cinematográfica.

  • Gislaine Lopes
    setembro 28, 2017

    Oi Nathalia,
    Como já li Extraordinário e amei, não vejo a hora de conferir como ficou a adaptação. É difícil não se emocionar com a história de Auggie. Quando li Extraordinário, fiquei muito tocada com a trama e personagens e, principalmente, com a mensagem que o livro passa. Somos todos Extraordinários vem para reforçar a importância de sabermos respeitar as diferenças de cada pessoa e que não é aparência que define um ser humano. Leitores mais jovens ou iniciantes poderão desfrutar deste livro e conhecer a linda história de vida de Auggie. Realmente, é uma ótima dica para presentear crianças ou para matar a saudade dos personagens.

  • Jois Duarte
    setembro 28, 2017

    Tbm to mega ansiosa pelo lançamento do filme, mesmo sem ter lido o livro. Conheço o que é pra conhecer sobre a história de superação do Auggie, sem muitos detalhes que possam ser spoiler, mas quando anunciaram os atores quis esperar o filme.

  • Amanda Barreiro
    setembro 27, 2017

    Nossa, eu não sabia que existiam outros livros desse "universo". Eu ainda não li Extraordinário e realmente falam muito bem do livro. Ainda não tive a oportunidade mesmo. Mas é bem legal que esses temas sejam abordados, é importante que a gente reveja nossos pré-conceitos. E as ilustrações estão um amor. Me deu mais vontade de ler agora, rs. Beijos.

  • Any
    setembro 24, 2017

    Oi, Nat!
    Ainda não li Extraordinário, não faz muito o meu estilo de leitura, mas quem sabe eu saia da minha zona de conforto e o pegue para ler futuramente?!… Por esse motivo não li sua resenha para não pegar spoiler, aliás, valeu pelo aviso!
    Bjos.

  • Maria Alves
    setembro 23, 2017

    Ainda não li o livro, embora seja muito elogiado, mas faltou oportunidade, esse parece ser uma graça, as ilustrações são bem bacanas, ideal para presentear a garotada e para lermos também, a historia parece ser muito bonita e reflexiva.

  • RUDYNALVA
    setembro 20, 2017

    Nathalia!
    Auggie é um fofo, né?
    Não li ainda nenhum dos livros sobre ele e seus amigos, mas tenho a maior vontade porque só vejo bons comentários e um garoto que é Extraordinário, nem dá para deixar de lado.
    A mensagem do autor é sempre pela igualdade e aceitarmos o diferente, gosto demais da gentileza e da empatia que a premissa traz.
    Ansiosa para poder ver o filme!
    “Inteligência não é não cometer erros, mas saber resolvê-los rapidamente.” (Bertolt Brecht)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE SETEMBRO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

  • pamela mendes
    setembro 20, 2017

    Eu li Extraordinário no ano passado, e foi simplesmente um dos melhores livros que li na vida! E também estou doida pela adaptação dele, eu acho que vai estar perfeita <3
    Já estou interessada por esse livro também, ele realmente é bem curtinho, mas parece ser super fofo, e pelo jeito vale muito a pena ler ele! Já está na minha lista <3
    Bjss ^^

  • Aline Teixeira
    setembro 17, 2017

    Olá Nat! Eu sou a teimosa que não leu o livro mas leu a resenha rsrs. Ainda não tive tanta vontade assim de ler o livro, acho que vou ver o filme primeiro para ver se floresce esse interesse. A versão ilustrada para as crianças é realmente muito fofa e eu com certeza vou adotar a dica de dar de presente. O que você disse sobre plantar a tolerância nas crianças eu concordo plenamente. São elas a futuro do mundo, é por elas que devemos mudar nosso modo de pensar. Beijos!

  • Marlene Conceição
    setembro 17, 2017

    OI Nath.
    Eu ainda não li o livro, mas fui perseverante rsrs.
    Eu adoro essa premissa, acho triste ao mesmo tempo que sei que é uma história para mexer com nossos sentimentos, eu adoro que ele aborda de maneira profunda temas como o preconceito, intolerância e discriminação, ao mesmo tempo que quero muito, muito mesmo ler, tenho um receio de como estarei no final dessa leitura, enfim essa edição está super fofa.
    bjs.

  • Herica Lima
    setembro 16, 2017

    Ainda não li esse livro, mas juro que irei ler bem em breve.
    Já li várias resenhas desse livor e a cada dia tenho mais vontade de pegar e devorar o livro em menos de um dia.
    Estou doida também pelo filme.
    Beijosss

  • Samanta Samy
    setembro 16, 2017

    Oi!
    Eu comprei Extraordinário a pouco tempo. Espero iniciar a leitura em breve. Recebi ótimas indicações e quero me preparar para ver o filme, que vai contar com uma das minhas atrizes preferidas (Sonia Braga).
    Se eu gostar da leitura comprarei esse também.
    Abraço!

  • Stephanny Manini
    setembro 15, 2017

    Oi Nath,
    Ainda não li Extraordinário mas só escuto falar bem desse livro que a cada dia que passa me pergunto porque não li ainda, também estou super ansiosa para a estreia do filme , pois pelo trailer me chamou muita atenção e estou confiante que vou gostar, em breve me presentearei com esse livro que parece ser tão maravilhoso.

  • Alison de Jesus
    setembro 14, 2017

    Olá, pretendo ler a obra antes da estreia da adaptação. A versão infantil, além de ser linda, cumpre seu papel de mostrar às crianças a mensagem que o livro traz. Beijos.

  • Bárbara Vitória
    setembro 14, 2017

    Ainda não li Extraordinário, mas de tantos vocês falarem já conheço quase toda a história dele. Achei interessante terem feito uma versão infantil com ilustrações e tudo. É uma forma de ensinar mais rapidamente para as crianças sobre o enredo, o preconceito e a superação além do respeito – coisa que essa galerinha de agora não anda tendo…

  • Franciele Débora
    setembro 14, 2017

    Olá, tudo bem?
    Eu já li Extraordinário e ainda estou processando todos os ensinamentos que ele me trouxe! Que livro mais amorzinho. E a primeira coisa que me passou pela mente ao terminar esse livro foi: como as crianças podem ser tão maldosas assim? Ás vezes podem ser por realmente elas sejam assim ou ás vezes por criação dos pais, mas prefiro pensar na primeira opção.
    Estou louca para a estreia do filme, não vejo a hora!
    Beijos.

  • Cristiane Dornelas
    setembro 14, 2017

    Achei muito fofa essa ideia do livro assim porque essa história é uma que guardo no coração e o personagem dá vontade de abraçar só de lembrar! Haha, ele é um amor né? ^^
    Também estou ansiosa pra ver esse filme. Tomara que fique bonito como o livro é. E pra quem gostou da história tá aí uma dica legal pra passar até para as crianças agora. É uma história que vale pra qualquer idade e nesse formato só contribui ainda mais pra fazer a gente amar esse personagem *_*

  • Jessica Borges
    setembro 14, 2017

    Eu não li Extraordinário, então eu só li sua resenha por alto. Na verdade, eu acho que sou a única pessoa no mundo que nunca leu esse livro, mas pretendo lê-lo em breve. Eu já vi o trailer do filme e fiquei encantada, parece ser o tipo de filme que te emociona, vou até levar meus lencinhos para o cinema, mas com certeza vou ler o livro antes. Bjos!