LISTA

RESENHA | MULHERES QUE CORREM COM OS LOBOS – CLARISSA PINKOLA ESTES

12 junho, 2019 por

CLARISSA PINKOLA ESTES - Mulheres Que Correm Com Os Lobos

A autora de Mulheres Que Correm Com Os Lobos, Clarissa Pinkola Estes, é uma analista junguiana. Através de contos de fadas e outros mitos conhecidos ela busca explicar e desvendar a figura da Mulher Selvagem. Ela defende que ao longo dos séculos a Mulher Selvagem tenha sido transformada em uma criatura domesticada. Em outras palavras, essa destruição e desconstrução se dá por conta da sociedade patriarcal.

“As histórias são bálsamos medicinais. Achei as histórias interessantes desde que ouvi minha primeira. Elas têm uma força!”

Na analogia defendida pela autora os lobos e as mulheres dividem uma espécie de vínculo psíquico em sua ferocidade, graça e devoção ao parceiro e à comunidade. Ou seja, para Estes essa é a definição da Mulher Selvagem. É necessário, por exemplo, que a mulher esteja em contato com seu lado primitivo. É através da confiança em seus sentimentos mais viscerais que suas escolhas poderão e deverão ser tomadas.

Mulheres Que Correm Com Os Lobos: Mitos e historias do arquétipo da Mulher Selvagem

“Portanto, vamos nos apressar agora e trazer nossas lembranças de volta aos nossos ossos. Despir quaisquer mantos falsos que tenhamos recebido.”

No livro teremos a apresentação de diversos contos e mitos das mais variadas culturas. Eles não tratam necessariamente a respeito de Mulheres Que Correm Com Os Lobos. Porém, eles certamente serão uma espécie de ilustração a respeito do arquétipo da Mulher Selvagem. A autora tratou de clarificar perspectivas diferentes, por exemplo, a respeito de relacionamentos e até autoimagem.

Achei a edição enviada pela editora Rocco primorosa. Em capa dura, com detalhes dourados na capa, tanto no título, quanto na ilustração. É uma edição robusta, com 576 páginas e realmente encanta a qualquer leitor(a). Porém Mulheres Que Correm Com Os Lobos não funcionou comigo, ou para mim.

“Voltemos agora, mulheres selvagens, a uivar, rir e cantar para Aquela que nos ama tanto.”

Mulheres Que Correm Com Os Lobos

Explicarei melhor o porquê… Por mais que os amplos estudos e pesquisas da autora justifiquem e ofereçam conselhos importantes para as mulheres modernas, no entanto, eu não comungo com a teoria e abordagem de Estes. Como psicóloga que trabalha e se define na abordagem comportamental, enfim, eu não consegui me conectar com a escrita e visão da mesma.

Contudo, embora tenha achado o livro com uma cara de livro teórico, ou mesmo como um bom material de pesquisa para estudantes com pesquisas nesse foco, acredito ser possível o leitor prático acessar o conteúdo com sucesso. E se beneficiar com ele, em primeiro lugar. Entretanto, obviamente, precisei ser sincera ao dizer que lutei firmemente com a leitura por duas semanas. Não consegui finalizá-lo, e abri mão de concluí-lo.

Por outro lado, espero que você ao ler essa resenha se sinta à vontade para ter tal obra em mãos e desvendar seus mistérios e teorias. Fica muito mais fácil manuseá-lo e aproveitá-lo se você não possui uma teoria ou abordagem psicológica que te reja. Enfim, leia Mulheres Que Correm Com Os Lobos e tente usufruir e colocar em prática o máximo de informações que os estudos muito bem embasados e estruturados da autora te revelem nesta obra.

Mitos e historias do arquétipo da Mulher Selvagem

Concluindo, tenha em mente que para ler Mulheres Que Correm Com Os Lobos, essa é uma leitura para se fazer com calma, com cuidado, refletindo a respeito dos temas pontuados… Para o melhor aproveitamento você terá que caminhar junto com Estes nas meditações sugeridas. É preciso acreditar que cada mulher abriga dentro de si bons instintos, uma força muito grande, um conhecimento eterno.

“A cura para qualquer dano ou para resgatar algum impulso psíquico perdido está nas histórias. Elas suscitam interesse, tristeza, perguntas, anseios e compreensões que fazem aflorar o arquétipo, nesse caso o da Mulher Selvagem.”

________________________________________________________________________________________________________________

Mitos e historias do arquétipo da Mulher SelvagemTitulo: Mulheres Que Correm Com Os Lobos
Subtitulo: Mitos e historias do arquétipo da Mulher Selvagem
Autor: Clarissa Pinkola Estes
Ano: 2018
Páginas: 576
Editora: Rocco
Gêneros: Psicologia
Adicione a sua lista do Skoob
Onde Comprar: Amazon

veja os posts relacionados

Deixe seu comentário

34 Comentários

  • Ana Caroline Santos
    junho 28, 2019

    Olá, tudo bem? Acho que já pelo título temos uma noção que é uma leitura complexa e que transmite bastante momentos reflexivos sobre a temática. Gosto de quando tenho tempo e posso apreciar leituras assim, por isso ele está entre meus desejados desde que soube do que se tratava. Sua resenha me deixou mais curiosa ainda sobre a obra, e espero gostar dela bastante. Dica mais que anotada!
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com

  • Alice Martins
    junho 22, 2019

    Oi Carol,

    Gosto muito desses livros que parecem ser mais teóricos, pois sempre acabo tirando valisoas lições e aprendizados dos mesmos. Não conhecia essa obra em específico, mas já amei conhecer e anotei a dica. Vou colocar na minha lista de desejados e espero poder ler em breve, visto que tenho certeza que irei me encantar. Parabéns pela resenha, ficou incrível, você conseguiu abordar muitos pontos interessantes.

    Beijos!

  • Alice Lacerda Montiel
    junho 19, 2019

    Oiii Carol

    Achei brilhante as suas ponderações na resneha porque esse é realmente o tipo de livro que pode ser muito bom ou muito ruim dependendo do momento e até do pensamento/humor do leitor, por isso é importante deixar claro que não é uma leitura pra digerir às pressas, notei isso desde o principio. Achei a edição lindissima, a capa dura dá um tremendo charme, mas confesso que não é uma leitura que me chama a atenção, aliás, atualmente seria um livro que eu provavelmente tb demoraria horrores pra finalizar. Mas quem sabe um dia né?

    Beijos, Alice

    http://www.derepentenoultimolivro.com

    • Carol Nery
      Carol Nery
      junho 20, 2019

      Precisamos ser realistas e sinceros, né Alice? O livro realmente tem funcionado pra muitas mulheres, e tem ajudado e dado esclarecimentos a elas. Mas, não foi meu momento.
      Grande beijo

  • Luisa Lopes
    junho 19, 2019

    Eu não gosto ler livros de psicologia, pois sempre acho um pouco difícil de acompanhar o raciocínio. Mas o tema me interessou. Acha que seria interessante ler alguma outra coisa antes de tentar ler esse ou dá para ir direto para ele?

    • Carol Nery
      Carol Nery
      junho 20, 2019

      Luisa, eu amo psicologia. Mas, pudera, né? Sou psicóloga. hahahha E eu consigo acompanhar até bem raciocínios de outras abordagens que não a minha. Só que dessa vez não tava dando certo, e achei melhor encerrar o sofrimento meu, e do livro. Não nos curtimos. hahahaa
      Se você conhece um pouco dos conceitos da psicanálise junguiana, talvez consiga ler melhor, entender melhor. Mas, muita gente tá gostando demais e nem se quer manjam de psicologia.
      Acredito que é preciso ter mente aberta!!
      Abraços

  • Erika Monteiro
    junho 18, 2019

    Oi, tudo bem? Vi esse livro entre os lançamentos da Rocco e o que mais me chamou atenção foi o título. No mesmo instante me questionei porque mulheres x lobos? Agora compreendi porque a autora fez essa analogia. Uma pena a leitura não ter dado certo pra você. Apesar de não gostar ou ser entediante tento sempre terminar. Meu TOC não me deixa saber que o livro ficou pela metade =/ haha Espero que em outra ocasião possa dar sequência. Beijos, Érika =^.^=

    • Carol Nery
      Carol Nery
      junho 20, 2019

      Erika, eu tenho certa obsessão eu terminar um livro, seja qual for a situação. Porém, esse não é um livro “literário”, vamos dizer assim. É um livro de estudo, de pesquisa, um livro para quem compreende as analogias e conseguem comungar com a forma de pensar da autora. Aí, minha amiga… pra mim, não deu!!! hehehee
      Beijocas

  • Joyce
    junho 18, 2019

    Definitivamente um livro que eu não leria, exige uma certa responsabilidade para refletir e tals e sou preguiçosa gosto de leituras sutis que apenas me encantem e me envolvam em alguma história.

    • Carol Nery
      Carol Nery
      junho 18, 2019

      Ai, Joyce! Dei risada com o seu “sou preguiçosa”. hhahahaha Olha, se formos olhar pelo seu ponto de vista, nesse caso eu também fui meio preguiçosa. Não me senti à vontade para adentrar a abordagem psicológica da autora, e deixar a minha de lado. hehehhee
      Abraços e obrigada pela sinceridade!!!!

  • Lucy
    junho 17, 2019

    Oi, Carol!
    Uma pena que o livro não funcionou com vc. É ruim quando não temos essa conexão com o autor, mas entendo que acontece. Ainda não li esse livro, já vi boas recomendações. Quem sabe eu ainda dê uma chance a ele no futuro levando em consideração seu conselho.
    Bjos
    Lucy – Por essas páginas

    • Carol Nery
      Carol Nery
      junho 18, 2019

      Sim, Lucy… como eu me enrolei com ele em duas semanas e não foi adiante, eu acredito que a pessoa precisa estar bem sintonizada com o tipo de leitura.
      Principalmente ceder ao livro o tempo necessário. Pena que não rolou pra mim!
      Um beijão

  • Debyh
    junho 17, 2019

    Olá,
    Claro que já ouvi falar deste livro. Creio que assim como você disse este livro deve ser lido com calma, ainda mais por ter toda a coisa de reflexão.

    • Carol Nery
      Carol Nery
      junho 18, 2019

      Verdade!! Eu acho que esse livro mexe muito com nosso interior. As reflexões precisam de todo um carinho, um tempo especial…
      Espero que se você decidir lê-lo, tenha uma experiência melhor que a minha.
      Abraços

  • Marilene
    junho 16, 2019

    Parabéns,Carol, normalmente a gente vem ler uma resenha procurando encontrar algo que faça-nos motivar uma certa leitura ,ou não, dependendo da mesma,a gente nem se aventura, a resenha em questão, até nos instiga a experimenta-la, saber que “Estes”, que de certa forma te incomodou, rsrsrs.Gostei de sua sinceridade em dizer da não conclusão da leitura, da possibilidade em fazer em outro momento,e , é por aí mesmo.Quem sabe um dia, num grupo,num desafio, não é? Beijos!!!

    • Carol Nery
      Carol Nery
      junho 16, 2019

      Com certeza, Mari… nossos grupinhos são sempre aquela válvula motivadora. A gente até consegue ler livros que sozinhos, não demos conta.
      E a sinceridade da resenha, não poderia ser diferente. Muitas pessoas estavam curiosas com essa leitura quando anunciei que a faria. hehehehe
      Beijocas e obrigada por sempre dar seu apoio. <3

  • Leitura Enigmática
    junho 15, 2019

    Que livro interessante. A premissa me chamou muita minha atenção e me aguçou demais a curiosidade. Anotei a dica para uma leitura futura.

    • Carol Nery
      Carol Nery
      junho 16, 2019

      Com o tempo e dedicação voltados a querer entender essa obra, acredito que seja realmente um prato cheio.
      Boa leitura quando conseguir fazê-la. Abraços

  • Robson
    junho 15, 2019

    Ola tudo bem???
    Sabe de uma coisa…eu achei a historia o design do livro porem ainda nao conhecia.

    • Carol Nery
      Carol Nery
      junho 16, 2019

      Olá! Tudo joia.
      O designer é realmente fantástico. Esse livro ficou maravilhoso!!!

  • Laryssa
    junho 14, 2019

    Eu amei essa resenha! Fiquei bastante interessada para ler esse livro, a capa e título me chamaram bastante atenção. Ótimo Blog.

    Um abraço

    http://www.tendenciacosmica.com.br

    • Carol Nery
      Carol Nery
      junho 15, 2019

      Ah, que legal saber disso. Eu espero que quando chegar a hora seja uma leitura bem proveitosa pra sua vida.
      Abraços

  • Andrea
    junho 14, 2019

    Há tempos ouvi falar deste livro, tenho curiosidade, mas sempre vou deixando para depois. Quem sabe uma hora eu me animo.

    • Carol Nery
      Carol Nery
      junho 15, 2019

      Andrea, esse é daqueles livros que precisamos ter tempo e disposição para encará-lo. Mas, espero que quando o faça, seja uma boa leitura pra ti.

  • Stephany Story
    junho 14, 2019

    Gostei da resenha e ainda não conhecia, e realmente com esse tipo de leitura devemos ter calma e assim que tiver tempo vou dar uma olhada nesse livro para ler. Obrigada

    • Carol Nery
      Carol Nery
      junho 14, 2019

      De nada!! Tomara que ele funcione pra você e seja frutífero em sua vida.
      Um beijo

  • Lana Silva
    junho 14, 2019

    Quando vi esse título fiquei bastante curiosa para saber do que se trata a obra, e fiquei totalmente surpresa ao me deparar pela visão analista junguiana, até porque nos como estudantes de psicologia sabemos que não é algo muito fácil de se compreender. Eu confesso que tenho muito apreço por essa área, mas não concordo com os pontos. Bom, provavelmente essa obra também não irá me agradar, apesar do tema me desperta interesse, por isso pretendo em um outro momento dar uma chance, e quem sabe apreciar a história criada por essa autora.

    • Carol Nery
      Carol Nery
      junho 14, 2019

      Que legal seu pensamento, Lana. Quem sabe mais a frente eu também não consigo pegar a obra com uma outra visão, né?
      A abordagem dista muito da minha, mas eu gosto muito de estudar, aprender e me envolver com tudo que é aprendizado.
      Beijão

  • Miss L
    junho 14, 2019

    Olaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!
    O livro é muito lindo <3
    É muito interessante estudar o comportamento através dos livros <3
    Beijokitaz

    http://www.devaneiosdemissl.com

    • Carol Nery
      Carol Nery
      junho 15, 2019

      Realmente, um livro que enche os olhos…

  • Márcia
    junho 14, 2019

    Não li ainda nada da autora Clarissa Pinkola , gostei muito da temática do título Mulheres que correm com os lobos . Ótima dica.

    • Carol Nery
      Carol Nery
      junho 15, 2019

      A temática é bastante interessante mesmo!!! Ainda vou tentar concluir essa leitura em um outro momento da minha vida.

  • Elis
    junho 14, 2019

    Carol, adoro sua sinceridade!! Parabéns pela resenha!!

    • Carol Nery
      Carol Nery
      junho 14, 2019

      Ai, Elis… obrigada, amore!!!!
      Não dava pra não pensar o que eu diria a vocês que depositaram essa expectativa a respeito do meu post.
      Um beijo grande