Olá pessoal!

Aconteceu na última quarta, dia 21/12, a cabine de imprensa do filme sul coreano Train to Busan, que aqui no Brasil foi lançado como Invasão Zumbi. Agora PÁRA TUDO! Antes de falar pra vocês o que eu achei, vamos definir uma coisinha: O filme tem como tema o apocalipse zumbi. Então pra continuar este post, vamos levar em consideração todas as diveeeeersas obras deste estilo. Mais pra frente eu explico o porquê desta observação.


Mas vamos lá, o filme trata sobre o vazamento de um vírus que transforma as pessoas em zumbis e que vai se alastrando rapidamente. O enredo foca em um pai extremamente viciado em trabalho, que possui a guarda de sua filha apesar de não ter tempo para ela, e que decide leva-la até Busan, a cidade onde mora sua mãe, para a comemoração do seu aniversário.  Eles iniciam a viagem de trem no momento em que a epidemia está começando a se alastrar, e um dos zumbis também embarca. Aí começa o problema! Presos em um veículo em movimento, os passageiros precisam criar estratégias de sobrevivência contra aquilo que eles nem imaginam o que seja.

O filme aborda muito bem o contexto a que se propõe. Depois de tantos filmes, séries e livros abordando tema, ele consegue ser original em seu problema-chave. Por ser coreano, tive um pouco de dificuldade inicial em me acostumar com entonação e fala dos personagens, mas isso é uma dificuldade que eu tenho. Após alguns momentos, porém, isso foi neutralizado (vou colocar o trailer legendado aqui embaixo). Acredito que as “loucas do Dorama” não vão ter este mesmo problema que eu tive (rs). A propósito, o ator principal Gong Yoo é bem conhecido e atua no dorama “Goblin”.

Agora lembram que eu disse pra levarem em consideração que é um filme de apocalipse zumbi?! É o seguinte, o filme aborda a epidemia e a busca por sobrevivência dos personagens, o que é o foco desta categoria. Não vá para o cinema esperando encontrar explicações das causas, erros, motivações e vida dos personagens, enredo detalhado, enfim. O filme está ali pra te mostrar o caos, e é isso que ele faz!

Invasão Zumbi” está fazendo um super sucesso lá fora, com mais de 100 milhões em bilheteria mundial. E não é de se estranhar. Os efeitos visuais e sonoros são ótimos, o que te coloca ali, vivendo aquele problema junto com os personagens. E o filme não te dá “refresco”, já começa com adrenalina em nível máximo, sem enrolar muito nas transformações dos zumbis, além destes serem super rápidos, fortes e resistentes (seguindo mais o estilo dos zumbis em “Guerra Mundial Z”)! Outro ponto forte é que o filme mostra a personalidade dos passageiros aflorar! Sem a obrigatoriedade do “vamos nos ajudar”, você vê cada um agindo por instinto, e consegue amar e odiar os personagens. Além de ter a oportunidade de pensar: E se eu estivesse lá?!

Então aí está uma indicação pra estas semanas de fim de ano, corre pro cinema. Vá sentir o desespero de estar trancado em um trem em movimento, onde a cada minuto que passa o seu risco de vida aumenta, e você precisa pensar em como sair vivo dali!