FILMES

MANCHESTER À BEIRA MAR – CRÍTICA

13 janeiro, 2017 por

Ontem foi a cabine de imprensa do filme Manchester à beira mar, e confesso para vocês, se eu tivesse visto o trailer e tido mais informações sobre o filme antes de assisti-lo a ansiedade teria alcançado picos altíssimos…
O filme foi super elogiado e comentado no festival de Sundance ano passado (como eu não vi isso na época!!! #morrendo #distraída ) pois o diretor  Kenneth Lonergan conseguiu abordar o luto familiar e a busca por redenção de uma forma emocionante e ao mesmo tempo da forma que realmente acontece o processo do luto, os conflitos internos e externos, a negação, a fuga, a aceitação…. (Acho que já deu pra perceber que eu gostei tanto que estou até chorando né??!!)

Gente, honestamente se vocês alguma vez já viram filmes de drama e ele mexeu muito com você este filme com certeza irá te levar as lágrimas…
A atuação do Casey Affleck (sim, o irmão daquele cara…) como Lee Chandler ganhou um Globo de Ouro bem merecido (além de ter tido varias indicações a diversos prêmios da indústria cinematográfica). Ele conseguiu passar para o expectador como que realmente é o luto, como é difícil lidar com a ausência de alguém que tanto significou na sua vida. Em alguns momentos a atuação e as cenas são completadas com musica que ajudam a passar as emoções do momento, mas acho que a cena que mais fez sentido para mim foi uma em que não houve som, pois o vazio que fica na alma quando se perde um ente querido nenhuma palavra, nenhum som consegue expressar.
 MANCHESTER À BEIRA MAR CRÍTICA
O filme se passa num período de 3 meses, em que vemos a luta de Lee dia a dia, mas enquanto muitos possam torcer para que o filme tenha um bom fechamento, isso é algo que não acontece na vida, pois pode passar quanto tempo for… seja meses, anos, décadas a ausência e a falta dos que se foram nunca é totalmente superada…
Super recomendo o filme, e espero noticias de vocês…



veja os posts relacionados

Deixe seu comentário

14 Comentários

  • Kemmy Oliveira
    janeiro 27, 2017

    O ator é bem parecido com o irmão!
    Bom, eu não conhecia o filme mas chorei lendo a crítica ENTÃO NÉ
    De fato, perder um ente querido não é nada fácil e essa cena que você citou de ficar tudo sem som resume bem, afinal parece que nada mais tem som, não tem cor, não tem gosto… é um vazio sem fim.
    Quero assistir! Bjs

  • Márcia Saltão
    janeiro 21, 2017

    Olá.
    O filme parece ser bem sensível, já que o tema é muito difícil de se falar. Não pretendo ver agora, pois estou fugindo de lágrimas. Talvez, daqui a algum tempo.
    Desejo bons momentos aos que forem assistir.
    Boa crítica.
    Beijos.

  • Gêmea Má
    janeiro 21, 2017

    Oi!!

    Eu gosto muito de filmes, mas eu tenho zero paciencia com premiações, então acabei não acompahando o Globo de Ouro e como resultado eu NUNCA tinha ouvido falar sobre essa obra até abrir essa dica hahhaha

    Muito obrigada, de verdade. To sempre caçando algo bom para assistir!!

    bjbj

  • Roberta Moraes
    janeiro 20, 2017

    Eu gosto muito de assistir filmes de Drama. Esse me parece bem profundo mesmo. E também por estar falando de um tema tão difícil que é o luto e a sua superação.
    É possível ver pelo trailer que o filme tem todo um cuidado com a sua direção e os atores estão atuando muito bem!

  • Adriana Holanda Tavares
    janeiro 19, 2017

    Não sabia nada pelo filme também e confesso que apenas pelo título, jamais iria assisti-lo e nisso que é importante lermos resenhas, pois sinceramente eu tenho ficado muito com um pé atrás de filmes e livros pelo nome/capa! #soudessas

  • Rossana Batista
    janeiro 18, 2017

    Eu não sabia da existência do filme.
    Eu sou uma manteiga derretida para esse tipo de filme de drama, principalmente quando envolve família e luto. Fiquei bem curiosa pra assistir.

  • Mariana Ogawa
    janeiro 14, 2017

    eu li/vi altos elogios sobre esse filme, mas meio que estou fugindo de dramas talvez num dia que eu acordar mais feliz com a vida eu tente assistir
    realmente a questão do luto é difícil e cada um lida de uma maneira diferente

    • Alice
      Alice
      janeiro 14, 2017

      Ei Mari, imagina eu que antes de ver já estava passando por luto….

  • Ø Väzïø ñä Flø®
    janeiro 14, 2017

    Como acompanhei muita coisa sobre o Globo de Ouro, já sabia da existência do filme, mas esta é a primeira crítica de fato, que leio sobre o longa.
    Falar de perda, muitos podem fazer, até nós.
    Mas falar com maestria e sentimentos, já é coisa que poucos conseguem. E pelo lido acima, foi muito bem falado e mostrado.
    Assim que puder, verei com certeza o filme!!
    Beijo

    • Alice
      Alice
      janeiro 14, 2017

      Eu chorei escrevendo o texto, me entreguei para ele de corpo e alma. Quando o filme lançar irei ver novamente. Fico feliz que gostou.

  • RUDYNALVA
    janeiro 13, 2017

    Alice!
    Não sabia nada pelo filme também e confesso que apenas pelo título, jamais iria assisti-lo e nisso que é importante lermos resenhas, porque adorei a sua e já irei preparada com lencinhos para levar ao cinema.
    Difícil passar pela dor da perda de alguém que amamos e pelo visto, tem outras situações envolvidas que são difíceis de encarar também, deve ser um drama grande.
    “O saber se aprende com os mestres. A sabedoria, só com o corriqueiro da vida.” (Cora Coralina)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de JANEIRO dos nacionais, livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    • Alice
      Alice
      janeiro 14, 2017

      Vá preparada. O filme mexe bem com as pessoas…. que bom que gostou da resenha XD

  • Carol Campos
    janeiro 13, 2017

    Vi a premiação do Globo de Ouro mas, não tinha visto o trailer do motivo de Casey Affleck ter levado na categoria que concorreu e agora posso dizer que foi merecido. Só o trailer já te passa aquela sensação de… não saber o que sentir quando se depara com uma situação igual, tocante sabe?! Vou procurar assistir ao filme o mais rápido possível afinal, é o "irmão daquele cara…" (E que cara! Nanananana, haha).

    • Alice
      Alice
      janeiro 14, 2017

      Além do Globo de Ouro, o filme ainda ganhou muitos outros prêmios, incluindo o BAFTA. Menina se eu te contar que pouco antes de ir assistir ao filme eu passei pela experiência de enterrar minha cachorrinha e meu tio… imagina o meu emocional…. E aquele cara né…..aiaiai