TEATRO

NATASHA, PIERRE E O GRANDE COMETA DE 1812, MUSICAL | CRÍTICA

24 novembro, 2018 por
Natasha, Pierre e o Grande Cometa de 1812

Hoje estou aqui para falar de uma verdadeira experiência única que tive a oportunidade de vivenciar na última semana. Durante minha Maratona de Musicais em SP, separei um dia para assistir o maravilhoso “Natasha, Pierre e o Grande Cometa de 1812” e meu único arrependimento é não ter ido mais de uma vez, ainda mais com a triste notícia de que a temporada do espetáculo se encerra dia 25 de novembro. Sendo assim, eu só posso dizer: #FICA COMETA!

Sobre a história de Natasha, Pierre e o Grande Cometa de 1812… “Tá tudo aí no programa Isso é um teatro Dá uma estudadinha antes, por favor Pra você poder entender Porque é um romance russo complicado Muito nome pra decorar Leia bem direito o programa E obrigado pela atenção Balaga é ponta Bolkonsky é doido Mary é sem sal Dolokhov é brigão Hélène é vulgar Anatol é gato Marya é careta Sonya é do bem Natasha é nova E Andrey não tá aqui E esse tal Pierre?”

Inspirado em uma passagem do livro “Guerra e Paz” de Tolstoi, se passa na Rússia e conta a história da jovem Natasha que está noiva de Andrey, porém ele está na guerra. Junto a sua prima Sonya vai visitar sua madrinha Marya, da alta classe de Moscou. Durante esta viagem, Natasha tem a oportunidade de conhecer a família de Andrey que não aceita o relacionamento, e também tem a infelicidade de conhecer e se encantar pelo conquistador Anatol. A partir deste momento sua vida irá mudar completamente. Bom… dei o meu melhor, mas acho bem mais fácil
entender pela música. Então te aconselho a dar o play no vídeo acima!

Falar de um elenco deste se torna uma das tarefas mais difíceis que já tive, pois todos estão perfeitos em seus papéis. Eu não mudaria ninguém! Pra começar, a Bruna Guerin (Já falei dela antes AQUI) continua sendo uma das atrizes que mais admiro. Seja em voz, atuação ou simpatia ela está no topo e é por isso que, pra mim, ela pode fazer o que quiser e será lindo (no aguardo de Mary Poppins e Anastasia)! Gabriel Leone, que realmente é gato, representa muito bem o convencido e inconsequente Anatol, assim como André Frateschi nos emociona como o misterioso e conflitante Pierre.

Carol Bezerra está maravilhosa no papel da vulgar Hélène e foi, com certeza, um dos destaques da apresentação. Dolokhov, apesar da música dizer que é “brigão, mas sem importância”, eu certamente preciso mencionar, pois além de ser interpretado pelo competente André Torquato, me deu uma rosa durante a peça! Lola Fanucchi e Miranda Kassin, que vozes lindas e emocionantes!

Nábia Vilela dando a pitada cômica na medida certa! Patrick Amstalden arrasando em seus múltiplos papéis! Vitor Moresco e todo o ensemble composto por Arthur Berges (o mais animado), Daniel Cabral, Fabiana Tolentino (a mais animada), Giovanna Moreira, Rafael Pucca, Guilherme Leal, Letícia Soares, Natália Glanz, Nani Porto, Thiago Perticarrari e Wilson Feitosa dando um show e sendo os responsáveis pela animação do espetáculo!

Eu disse ali em cima que não mudaria ninguém do elenco, mas na verdade eu não mudaria NADA! Elenco, Figurino, Músicas, Local… Eu só tenho condições de aplaudir! Realmente é uma imersão. Ao cruzar as portas do 033Rooftop você entra em um ambiente único, no universo do espetáculo, sendo impossível não entrar no clima. Além disso, você pode participar da experiência gastronômica, composta por um jantar típico com direito á sobremesa, antes da peça começar. Pode também comprar drinks e comidas avulsas.

O musical Natasha, Pierre e o Grande Cometa de 1812 retrata uma pequena parte do clássico “Guerra e Paz” (existem filmes e uma série sobre a obra), que em suas 1.200 páginas aborda 05 famílias russas em meio as batalhas de Napoleão, tudo isso marcado pela passagem do Cometa nesta época. Possui drama, divertimento, emoção, sensibilidade e uma série de gêneros, além de uma estrutura inovadora e grande envolvimento com a plateia. Todo o conjunto forma um dos musicais mais especiais que tive o prazer de assistir, ou seja, acho que quem puder ir e não for é mais louco que o velho Bolkonsky!

Natasha, Pierre e o Grande Cometa de 1812

Fotos: Stephan Solon

#FICACOMETA
“E pareceu Que o cometa Via minha alma Melhor que ninguém E um novo coração florindo Porque eu acordei”

_______________________________________________________________________________________________________________

Local: 033 Rooftop do Teatro Santander  – SP
Gênero: Drama, Romance
Preço dos Ingressos: R$ 65,00 a R$ 160,00
Período de Apresentações: Sextas, Sábados e Domingos, até 25/11/2018
Instagram oficial do espetáculo: @ograndecometa 
Confira nossa agenda de espetáculos AQUI

veja os posts relacionados

Deixe seu comentário

4 Comentários

  • Carol Campos
    novembro 26, 2018

    Sendo baseado na obra Guerra e Paz, com certeza seria algo belo. Essa é uma daquelas críticas que você consegue sentir a experiência, acho isso massa! É lendo esta e outras criticas que a vontade de ir a musical aumenta. Uma pena ser tão reservada a SP.

    https://twitter.com/CaarolForbes/status/1067201553629659136?ref_src=twcamp%5Ecopy%7Ctwsrc%5Eandroid%7Ctwgr%5Ecopy%7Ctwcon%5E7090%7Ctwterm%5E3

    • Karina Rodrigues
      janeiro 05, 2019

      Exatamente. Eu já esperava algo ótimo por causa de Guerra e Paz, mas não sabia que seria perfeito.
      Bjos

  • O Vazio na Flor
    novembro 26, 2018

    Ah meu coração!!!Como coisas lindas assim nunca chegam até aqui em Lost, fico babando literalmente quando vejo lindezas assim!
    Só de ser baseado na obra Guerra e Paz, a gente já imagina que será ao menos, bonito. Mas tudo isso que vi e ouvi acima, vai bem além!
    É belo demais, lúdico demais!
    Beijo

    https://twitter.com/AngelaGabriel1/status/1066993146029121536

    • Karina Rodrigues
      janeiro 05, 2019

      "Cometão" foi uma das experiências mais lindas e completas que tive esse ano. Foi perfeito!
      Ao ponto de estar esperando uma nova temporada pra ir novamente!
      Uma pena não chegar nas nossas cidades, mas seguimos firmes fazendo aquilo q dá.
      Bjos