A Torre de Nero é o último volume da série de 5 livros, As Provações de Apolo. E com muita emoção e já com saudades, que nos despedimos dessa turma que nos trouxe de volta a felicidade em estar neste universo compartilhado que o tio Rick criou pra gente: o Riordanverso.

“Mudança é uma coisa frágil. Exige tempo e distância. Sobreviventes de relações abusivas, como Meg, precisam se afastar dos abusadores. Voltar aquele ambiente tóxico era a pior coisa que ela podia fazer. E antigos deuses arrogantes como eu não podiam ficar perto de outros deuses arrogantes e acreditar que não seriam afetados. – A Torre de Nero”

Desde Percy Jackson e os Olimpianos, os leitores de YA (Young adult) vêm conhecendo cada vez mais a respeito da Grécia Antiga, de uma forma divertida, e com personagens cativantes. Ao longo de 10 livros das séries de PJ, mais esses 5 de As Provações de Apolo, chegamos novamente a um final. Aparentemente, acaba por aqui nossas aventuras com o pessoal do Acampamento Meio-sangue.

Quando o ex-deus grego Apollo (Lester), e sua amiga Meg McCaffrey estão no metrô após derrotar o seu grande inimigo do livro anterior, não pense que a dupla terá sossego. Certamente eles apenas estão se dirigindo até à próxima batalha contra o próximo imperador.

“Temos forças diferentes. Juntos, vamos encontrar uma saída.”

Já tínhamos ressaltando no “resumão” dos livros anteriores, a respeito de como Lester tem evoluído como pessoa. Parece que dessa vez o castigo de papai Zeus, caiu como uma luva. O ex-deus Apolo está compreendendo melhor o que os semideuses passam, e como é ser humano. Tomara que seja um aprendizado definitivo! Para seu próprio bem.

O desafio de Apolo dessa vez é enfrentar Píton (sua arqui-inimiga imortal), na Torre de Nero (o cabeça do Triunvirato). E assim você tem aqui desvendado o título desse livro. Eu adoro quando descobrimos o nome do livro dentro da história, e nesse caso, fica bem óbvio se chamar A Torre de Nero. Também se pode perceber que aquele estilo de escrita, onde há brincadeirinhas espirituosas e um pouco de humor, retornaram.

Poderemos entender melhor quando se trata dos assuntos autoridade, abuso e manipulações. Como um todo, essa história trata dessa forma de poder absoluto, que não visa um bem comum, mas sim, um poder centralizado. Ressaltamos a qualidade das cenas de ação, tanto em descrição, quanto em execução. Mas, esse não é um livro livre de falhas. Apesar delas serem bem compensadas.

“- Ah, por favor! Ser um herói não significa que você seja invencível. Significa apenas que você seja corajoso o bastante para fazer o que é necessário.”

A TORRE DE NERO – RICK RIORDAN 02

Mesmo tratando-se de mitologia, Riordan em A Torre de Nero, ainda nos traz aqueles personagens fáceis de se compreender e gostar. São críveis e possíveis. E por isso a gente vai sempre ficando com esse sentimento devastador quando sabe que mais uma série está chegando a seu final! O autor também gosta de usar de referências do mundo pop em geral, o que traz certa identificação ao leitor. Às vezes, essas referências geram mesmo é discórdia… Depende da forma como são inseridas.

O que mais li por aí, ou ouvi da galera que leu também a saga e seu último livro, A Torre de Nero, é que o livro não corresponde TOTALMENTE às altas expectativas dos fãs. A gente espera demais, né? Sempre está sonhando com mais um livro épico, mais um fim de história que marque nossas vidas. Contudo, não há como NÃO perceber a solidez da escolha de Riordan para finalizar As Provações de Apolo.

Nos despedimos de Apolo como viajante terrestre, e precisamos nos desapegar mais uma vez de nossos queridos personagens do Riordanverso. Peço desculpas por não desenrolar mais essa resenha, uma vez que A Torre de Nero é um livro de fechamento, e qualquer spoiler atrapalharia sua experiência…

Entretanto, se você é nostálgico, irá saborear esses últimos capítulos com o coração na mão. Mesmo que não fique totalmente satisfeito com o que o autor decidiu fazer com o castigo/maldição de Apolo. Dessa forma, só nos resta esperar os próximos livros, abordando outras mitologias, e nos ganhando com personagens tão vivos e críveis como ele já fez com a mitologia grega, romana, egípcia e nórdica.

“As pessoas gostam de ser vistas… mesmo que seja pelos olhos frios e cruéis do destino.”

________________________________________________________________________________________________________________

Livo: A Torre de Nero (#5 As Provações de Apolo)
Autor: Rick Riordan
Ano: 2020
Páginas: 336
Editora: Intrínseca
Gêneros: Aventura, Fantasia, Infantojuvenil, Jovem adulto, Literatura Estrangeira
Adicione a sua lista do Skoob
Compre usando nosso link da AMAZON