Menu

{ #RESENHA } DEZ MIL CÉUS SOBRE VOCÊ - CLÁUDIA GRAY (FIREBIRD #2)

26 junho 2017

Resenha DEZ MIL CÉUS SOBRE VOCÊ - CLÁUDIA GRAY (FIREBIRD #2)
Subtítulo: Dez mil céus sobre você | Cláudia Gray | Ano: 2016 | Páginas: 336 | Editora: HarperCollins | Gênero: suspense e mistério, ficção científica, romance | Adicione ao Skoob   

“Não é um colar antigo. Não pertence à realidade deles. Este medalhão é o Firebird.
(...) Mesmo aqui, enquanto corro por essa Roma alternativa em um vestido de época que vai até o tornozelo, uma capa e essas botas duras que deslizam pela estrada de pedras, mantenho o Firebird firme na mão; se eu perder esse negócio, estou ferrada.
Mas não estou indo embora. Não posso sair dessa dimensão até concluir o que eu vim fazer aqui.
Tenho que salvar Paul Markov.”

Nesse segundo livro, Marguerite tem um prpósito bem diferente do anterior. Ao invés de tentar matar aquele que supostamente tinha matado o seu pai, ela terá que salvá-lo. Wyatt Conley, o diretor da Tríade, a grande empresa por trás de tanta coisa no primeiro livro, acabou de fragmentar a “alma” de Paul em quatro pedaços, que estarão em quatro dimensões diferentes. Entretanto, Marguerite nunca conseguiria encontrar sozinha. Em paralelo a isso, Theo está quase morrendo: uma droga usada no corpo dele durante muito tempo está matando-o aos poucos e ele não conseguirá a resposta nessa dimensão. Para salvar os dois, Marguerite vai contra aquilo que os pais dela querem e acaba indo atrás de Paul e da cura de Theo, seguindo as pistas de Conley, direto para dimensões totalmente desconhecidas.

Resenha DEZ MIL CÉUS SOBRE VOCÊ - CLÁUDIA GRAY (FIREBIRD #2)

O Firebird não viaja através do tempo, mas algumas dimensões se desenvolvem mais rápido que ouras. Quando Marguerite e Theo encontram uma dimensão em guerra, não sabem como sairão de lá vivos, muito menos como seguirão o plano de Conley para conseguir aquilo que eles buscam. Numa correria frenética entre dimensões, eles conhecerão as melhores e piores versões de si mesmos e daqueles que eles amam, e mais que isso, Marguerite descobrirá o quanto as suas atitudes foram impactantes nas suas outras personalidades. A questão é: se Conley quer tanto usar o firebird para o mal, porque ele está realmente os ajudando? E se Conley não está por trás disso, quem está? 

“- O caminho não é fácil – digo a ele. – Mas vamos caminhar juntos.
Isso é verdade em todos os mundos, em todo lugar. Tenho que acreditar.”

Ok, ok. Sei que vocês podem estar um pouco confusos, confesso que eu também fiquei. A resenha do primeiro livro está aqui, e vocês sabem que aquele outro livro foi uma luta para matar alguém que agora é quem eles querem salvar. Mas juro, tudo vai fazer sentido. Nesse livro a autora não foca tanto no romance quanto no primeiro, nos mostrando vários pontos a respeito de diversas personalidades espalhadas pelo multiverso. A cada dimensão nova há novas questões éticas, novas perspectivas de mundo que nos levam a questionar sobre como o nosso próprio mundo é. Além disso esse livro é repleto de ação, o que não é tão evidente no primeiro, e as consequências das atitudes dos personagens são finalmente visíveis, o que deixa tudo um pouco mais... crível que o livro anterior. Afinal, em nenhuma das dimensões as atitudes não tem consequências, certo?

RESENHA DE LIVRO DEZ MIL CÉUS SOBRE VOCÊ - CLÁUDIA GRAY (FIREBIRD #2)

Definitivamente esse livro é melhor que o primeiro, de longe. Ele trabalha muito melhor a questão da ficção científica e dos mundos paralelos, não focando tanto na parte romântica da história. Marguerite é uma personagem muito mais forte, muito mais responsável e muito mais preocupada com aquilo que acontece ao seu redor. Ela ainda é capaz de quase tudo por aquilo que ela ama, mas ela já sabe até que ponto ela deve ir, e onde ela não tem coragem de chegar. A autora trabalha mais nos personagens secundários e o mais legal nisso é que ela deixou uns ganchos no primeiro livro, que a gente só se dá conta que eram ganchos quando chega ao segundo. Só tenho uma coisa a dizer: nem uma palavra nessa série é escrita sem um propósito!


“Já tive medo de morrer. É uma sensação horrível, um nó na garganta, o coração disparado como se fosse explodir suas costelas. (...)
E ainda pior que tudo isso, é ter medo por outra pessoa. É possível encarar os próprios riscos com uma calma inacreditável, mas os riscos de quem amamos? Esses nos deixam idiotas. Nos enlouquecem.”

A escrita da autora se mantém muito boa, acredito inclusive que a leitura desse livro flui bem melhor do que o primeiro. Continua cheia de flashbacks, mas que nesse caso são muito mais necessários que no primeiro livro – entre o primeiro e o segundo livro há um período de uns três meses que são explicados nesses flashbacks. A editora HarperCollins arrasou mais uma vez na capa desse livro, na qualidade do alto relevo da imagem que dessa vez mostra Paris e San Franciso. O livro tem uma capa linda, que eu amei colocar na minha estante! Terminei esse livro louca pela continuação porque, UAU, o final levou a série a um outro nível (e me fez querer bater na autora, mas nada pessoal), então em breve sai a resenha dele para vocês também!

comentário(s) pelo facebook:

20 comentários:

  1. Eu tive que puxar a resenha do primeiro livro, porque estava bem perdida nesta resenha. Mas daí, consegui entender um pouco da história!rs
    E parece que mesmo com isso dos flashback, tudo acaba se encaixando de uma forma natural!
    Não é assim, o meu gênero de leitura favorito,mas confesso que fiquei bem interessada na história.
    Mundos paralelos é um assunto que sempre rende bom conteúdo e se tem um romance para dar uma pitadinha na história, melhor ainda!
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gostei bastante de ler, bem fora do meus estilo também, talvez você goste!
      Um beijo

      Excluir
  2. Olá!!
    Eu tenho o primeiro livro dessa trilogia aqui na minha estante, mas nunca li. Quando eu comprei achei a premissa muito interessante, mas depois de algumas resenhas negativas me bateu um desanimo, mas depois dessa resenha estou mais animada em ler, pois o tema do livro é bem legal. Espero não me decepcionar. Bjos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu me desanimo também quando vejo resenhas negativas mas é sempre bom ler e tirar nossas próprias conclusões né? Espero que goste!

      Excluir
  3. Oi, tudo bem?
    Parece ser um livro interessante. Não conheço nenhum dos livros da trilogia, mas anotei a dica. Espero poder ler em breve.
    Abraços,
    Amanda Almeida
    http://blog.amanda-almeida.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que aprecie a leitura, Amanda
      Abraços

      Excluir
  4. As capas desta trilogia são lindonas... Quero ler mas, estou esperando para pegar todos de uma só vez. Esse enredo de mundos paralelos, me deixou bem curiosa e a cada resenha novos "?!" surgem por aqui... Que descobrir o motivo de sua pessoa querer bater na autora por causa desse final, hahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahaha, não é só porque eu sou agressiva, garanto

      Excluir
  5. Oi Lô,
    Ainda não comecei a ler esta trilogia, mas meu interesse por ela cresce a cada resenha que leio. Gostei de ver que a autora mudou abordagem da trama ao dar um novo foco a protagonista, de uma possível assassina a salvadora. Com certeza essa decisão não será fácil para Marguerite, já que ela me parecia bem certa de sua decisão no primeiro volume. Pude perceber pela sua resenha que a autora conseguiu evoluir, tanto a escrita quanto a história deixando a trama mais envolvente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Conseguiu evoluir sim Gis, espero que goste também da resenha do último volume, que sai em breve, e que curta a trilogia como um todo.
      Abraço

      Excluir
  6. Não quero muito spoiller porque estou querendo começar uma série nova e estava pensando nela! Li a sinopse do primeiro no Skoob e gostei bastante! Estou muito interessada!
    Vi ai que a autora conseguiu evoluir na escrita! Bom saber...... Já quero!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Herica, espero que goste bastante da série!

      Excluir
  7. Olá! Ainda não li nenhum livro dessa série, curto muito suspense, mistério e ficção científica, cada resenha que leio dos livros me deixa ainda mais curiosa em conferi isso tudo que dizem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É realmente uma série que une tudo isso!

      Excluir
  8. Lô!
    Muito bom poder ver um segundo livro ainda melhor que o primeiro e que traz algumas respostas e um entendimento maior sobre a Tríade e os planos do vilão ambicioso.
    Como nada é perfeito, a autora deu um pequeno deslize, mas acredito que não deve ter interferido muito na trama.
    Desejo um final de semana de luz e paz!
    “Será que você vai saber o quanto penso em você com o meu coração?” (Renato Russo)
    Cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  9. Tambem acho as capas lindas. Fiquei um pouco confusa mesmo no começo da resenha, gostei de saber que tem muita ação pois adoro, a trama parece que envolve o leitor. Os personagens parece melhores e nos conquistam. Pretendo ler a série.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que pretende MAria, espero que goste :)

      Excluir
  10. Nossa, Lô! Prometi a mim mesma que eu não leria essa resenha, só que namorei tantas vezes que acabou acontecendo! kkkkk Fiquei feliz porque a série ficou mais impactante, geralmente com o passar dos livros as séries vão ficando mais difíceis de se conectar! Se antes eu estava doida para ler, imagina agora! Parabéns pela resenha, beijos! =)

    ResponderExcluir
  11. Ia comprar pela capa, agora pela história. Parabéns mais uma vez, essa história me ganhou.

    ResponderExcluir

 
© 2015 - Todos os direitos reservados 🐶 🐶 🐶 - Layout por Leh Pimenta