Menu

{ #RESENHA } Inigualável - Alyson Noël (Belos ídolos #1)

22 fevereiro 2017

Subtítulo: Inigualável | Alyson Noël | Ano: 2016 | Páginas: 304 | Editora: HarperCollins Brasil | Gênero: Ficção, suspense, mistério | Adicione ao Skoob

Todo mundo quer ser famoso, de uma forma ou de outra. A questão é: até onde você está disposto a ir para conseguir o que deseja? Com essa questão em mãos Alyson, conhecida pela série Os imortais, nos apresenta ao mundo festeiro de Hollywood Boulevard nesse primeiro livro da Trilogia Belos Ídolos.
“Nunca se sabe do que alguém é realmente capaz até essa pessoa ser posta à prova.”


Começamos sendo apresentados a Madison Brooks, que é uma estrela queridinha de Hollywood, mas tem um passado que (quase) ninguém conhece. Temos LaylaAster Tommy, que acabam se esbarrando por causa de Ira Redman, o rei das boates mais badaladas de Hollywood Boulevard. Layla é uma garota que sonha em trabalhar no The New York Times, mas por enquanto é uma blogueira que faz fofoca sobre famosos enquanto busca uma forma de ganhar dinheiro para ajudar seu pai, que é pintor, e vive entre o banquete e a inanição. Aster é uma aspirante à atriz “bonita demais” para um comercial, que está em busca de… qualquer coisa que a faça ter algum momento de fama. Tommy só quer ser reconhecido pelo pai, além de ter alguma chance como músico, claro. Quando Ira cria um concurso para selecionar um novo promoter para suas boates, além da possibilidade de ganhar boa quantia em dinheiro, eles vêem uma oportunidade de conseguir aquilo que querem. 

“- Parece suspeito. E sórdido. E baixo nível. E desesperado. E basicamente muito inferior a mim.”


Cada um dos competidores faz o que pode para se dar bem. Enquanto Layla usa o blog para promover o trabalho e vice-versa, Aster se encontra com Ryan - astro e namorado de Madison - e Tommy… bem, depois de ter sido despedido do primeiro emprego por causa de Ira, ele faz o que pode para se destacar. Infelizmente o sumiço de uma celebridade faz com que a situação se complique para os três. Aster é desprezada pelos pais que não aprovam o que ela tem feito enquanto Layla tem dificuldades de manter seu relacionamento com Mateo - seu namorado que não aprova seu serviço - e Tommy se esforça para não se apaixonar por Layla (e qualquer outra garota, digamos que ele se apaixona fácil). Não é algo fácil para os três, mas a complicação não para de aumentar.

Com essa premissa que eu achei bastante inovadora e uma escrita muito madura e fluida, Alyson tem tudo para fazer uma ótima historia. Mas, como diria a página Galãs Feios, infelizmente não é tão bom. O livro é criativo, cada capítulo tem o nome de uma música que deveria estar relacionada ao que é escrito (eu não consegui encontrar essa relação, mas não procurei tão insistentemente assim), além de apresentar uma coerência nos personagens - o que as vezes se torna complicado num enredo com muitos personagens principais. Sei que é uma trilogia, o que justifica as milhares de pontas soltas que podem ser observadas ao longo da historia, mas, sabe quando simplesmente não te conquista? Espero que os fãs da autora não me odeiem, mas para resumir eu achei um ‘pseudo suspense chato’.


Quanto ao aspecto físico, devo dizer que é lindo lindo lindo! Tem um alto relevo bem trabalhado com um tom metalizado, com orelha, a fonte num bom tamanho e uma formatação ideal, como eu disse antes, tem tudo para ser um bom livro. Com os títulos das músicas em cada capítulo eu fiz essa playlist que vocês podem ouvir, lendo ou não o livro. Quanto ao trabalho da Editora HarperCollins, não há o que reclamar. Vou deixar o booktrailer para vocês verem e terem o gostinho de Hollywood. Me contem o que acharam!


“Não existia publicidade ruim. No mundo das boates, quanto mais escandalosa e sórdida a história, melhor.”



comentário(s) pelo facebook:

29 comentários:

  1. Sinceramente esse mundinho de pessoas lutando por fama nunca me atraiu muito. Parece muito essa onde de Youtubers caçando sucesso a qualquer custo..rs
    E mesmo a capa do livro sendo tão lindinha, o enredo não me atraiu não.
    Talvez leia em algum momento, mas não agora!
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente lembra essa coisa de youtubers, tudo meio superficial e tal.
      Se um dia resolver ler, me conta!
      Beijo

      Excluir
  2. A capa me chamou atenção mas, ao ler a resenha e ver que a história mostra pessoas querendo ser o que não são e fazendo de tudo para conquistar, não foi do meu agrado. Até gosto de competitividade mas, não a onda de "vou ser famoso custe o que custar". Esse livro não seria uma leitura ideal por agora, prefiro ver o fim da trilogia para ver se aparece outro ponto que me chame atenção.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa é linda! Mas realmente, temos que esperar o resto da trilogia pra ver se melhora :)

      Excluir
  3. Lo, a premissa da história não conseguiu me envolver. Como você disse, o livro tinha tudo para ser bom mas não foi.
    Nunca gostei de personagens que sempre procuram algum meio de se tornarem famoso, para mim ou é ou não é, ou do nada ficam, mas não gosto daqueles que procuraram sempre, de qualquer maneira, ter seus 15 segundos de fama.
    Então seria um livro que eu passaria, mas com certeza irei ouvir a playlist kk

    ResponderExcluir
  4. Achei a capa do livro maravilhosa e a premissa super interessante e inovadora.
    Porém como não consegui ler a série Os Imortais da autora, nem fiquei animada pra me aventurar nesse novo livro dela.
    Não sei o que a escrita dela tem, mas não me cai bem!
    Vejo muitos fãs dela que gostaram desse livro, mas por enquanto prefiro deixar de lado ;)
    Beijos,
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem gente que simplesmente não nos convence né Carol, acontece

      Excluir
  5. Tramas onde os personagens estão em busca da fama não despertam meu interesse por isso não me empolguei com a trama de Inigualável, por esse motivo dificilmente eu o leria...
    Bjos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É Any, nem todo mundo curte muito esse mundo da fama

      Excluir
  6. Achei a capa linda, mas o livro não faz meu estilo. Bem diferente a premissa, tenho que admitir, mas eu não leria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente "diferente" nesse caso não significa boa né

      Excluir
  7. Lo!
    A premissa do livro é realmente muito boa, porém, quando tem muitos protagonistas disputando destaque em um livro, fica complicada a leitura, não sabemos direito o que pensar nem como tudo irá se desenvolver. Como é um série o autor bem poderia ter escolhido um livro para cada protagonista.
    “Quanto mais nos elevamos, menores parecemos aos olhos daqueles que não sabem voar.” (Friedrich Nietzsche)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de FEVEREIRO, livros + KIT DE MATERIAL ESCOLAR e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que quanto mais protagonistas tem para explorar, mais o livro demora para começar de verdade e realmente se fosse focado em um só talvez teria melhorado, Rudy.

      Excluir
  8. A capa é muito linda e singela. Nunca vi parecido e amei ♥ Que legal, é a primeira da série. Gosto de livros assim!
    A autora é bem conhecida, eu tenho o livro dela que é "Radiante" ainda não li mas não teve muito repercussão e nem críticas boas. Porém, com está resenha, espero que o livro seja incrível mesmo. O conteúdo do livro acho que tem muitos detalhes mas acho que, se eu ler, mudarei de ideia.

    ResponderExcluir
  9. Oiee!
    Ainda não conheço o modo de escrita da Alyson, tudo o que sei é o que li nos blogs da vida, mas não tive nenhum livro dela em mãos para ter minha opinião.
    O legal desse livro é que é um gênero mais adulto, bem diferente da outra série dela, gosto de livros com intrigas e personagens que nos despertam vários sentimentos ao mesmo tempo, se tiver a chance quero lê-lo sim.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
  10. Achei o designer do livro lindo, aqueles livros que dá vontade de compra só pq a capa é linda kkk e mesmo sendo suspense (que eu amo),não sei se leria kkkk só pela crítica não eu já não gostei kkk e livro quando é bom até o título atrai.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pois é, a capa é bem bonita, mas a história não faz jus

      Excluir
  11. Já li alguns livros da autora e confesso que a achei fraca, fora histórias bem "esquecíveis".
    Tantos personagens assim, cheios de defeitos, acho que deixou a história mais crível. Não acredito que alguém seja 100% bonzinho. Só não gosto dessa coisa desmedida em busca da fama.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, é bem real, considerando que se passa em hollywood, claro.

      Excluir
  12. Oi, Lo!!
    Para falar a verdade não fiquei nem um pouco a fim de ler esse livro achei a premissa chata!!
    Beijoss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bem entediante viu Marta, não foi só você que achou haha

      Excluir
  13. Olá...
    Adorei sua resenha, mas confesso que não me empolguei com a trama do livro.... Achei interessante cada capítulo ter o título de uma música e ter uma playlist para se ouvir enquanto se lê... A capa é realmente linda e adorei o trecho “Nunca se sabe do que alguém é realmente capaz até essa pessoa ser posta à prova.” Quem sabe mais pra frente eu dê uma chance a essa leitura...
    Beijinhos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Cris, se você der uma chance, espero que goste

      Excluir
  14. Oi, tudo bom?
    Eu já li a série Os imortais, e assumo que não gostei muito, e que pena que Inigualável não é tão bom, a ideia da trama parece ser muito boa, mas não funcionou com você, não pretendo ler o livro, pelo fato de que não gostei dos outros livros da autora, mas quem sabe um dia eu dê uma chance.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem sabe talvez melhore com o segundo né

      Excluir
  15. Adorei a sua sinceridade, amiga! Nada mais difícil do que encontrar pontos maravilhosos em um livro que não tem essas características. =\

    ResponderExcluir

 
© 2015 - Todos os direitos reservados 🐶 🐶 🐶 - Layout por Leh Pimenta