Menu

{#RESENHA} A SEREIA - KIERA CASS

29 setembro 2016

A Sereia  | Kiera Cass | Ano: 2016 |  Páginas: 328 | Editora: Seguinte 

Há oitenta anos Kahlen  viu sua família morrer em um naufrágio e só não os acompanhou por que a própria ÁGUA a salvou, dando um novo destino a sua vida e a promessa que depois de cem anos ela poderia viver entre os humanos como uma mortal novamente, ela só teria que se tornar uma de suas sereias e ajudar a ÁGUA a se alimentar, e nunca, mas nunca deixar um humano descobrir sobre elas. Por vários anos Kahlen cumpriu seu papel, ajudando a naufragar navios e com isso criou um grande laço com a ÁGUA, mas a cada nova vez que  Kahlen  é convocada pela ÁGUA um pouco de sua alma vai junto e a culpa pelas mortes causadas por elas e suas irmãs a consomem um pouco mais.

As historias sobre sereias sempre foram as menos interessantes, mulheres que com seus cantos enlouqueciam os homens e afundavam barcos só porque podiam. E no final as mulheres sempre eram os seres cruéis que faziam isso com os pobres marinheiros desavisados só pelo prazer de afundar navios, então quando eu recebi o livro A Sereia da Seguinte para ler tentei até começar mas não me despertou a curiosidade até que me obriguei a pegar firme na leitura e conhecer uma historia diferente de qualquer coisa que já tinha lido sobre esses seres mitológicos.

KIERA  deu um significado e motivo de porque as sereias existem e sua ligação com a ÁGUA através de uma narrativa em primeira pessoa que aproxima o leitor de toda a historia e vê uma ligação de mãe com suas filhas de uma forma extremamente possessiva, mas carinhosa também com seus pontos controversos como qualquer relação entre mãe e filha. Ao mesmo tempo mostra ligação mais profunda da ÁGUA com sua sereia preferida e a ligação que as duas tem, e o desespero de Kahlen por tudo que ela é obrigada a fazer e o quanto isso tem pesado em sua alma, e a faz desejar que este acordo acabe e ela possa viver novamente normalmente entre os humanos já que sua voz não é permitida aos ouvidos de ninguém além de suas irmãs.

Amei essa ideia da autora de mostrar meninas comuns, que por um motivo especifico foram recrutadas pela ÁGUA e precisam criar situações onde barcos são afundados, sem ser o fato somente por serem seres encantados que fazem aquilo por pura crueldade e diversão, neste livro temos uma nova visão sobre esses seres místicos e vemos como é o peso que ela pagam por terem que fazer esse trabalho.

Outro ponto que me fez gostar muito da narrativa foi o fato do livro todo ser em primeira pessoa e a oportunidade que a autora nos da de conhecer os outros personagens e principalmente em transforma a ÁGUA em algo místico mas com sentimentos, bem parecida com uma mãe possessiva e dominante.

comentário(s) pelo facebook:

1 comentários:

  1. Gostei da resenha principalmente pelo fato de contar o envolvimento da Água, de como a vemos como uma protetora mesmo tendo seu lado de dominância. Não tive ainda a oportunidade de conhecer a escrita da autora Kiera Cass mas, por causa deste elemento me interessei em conhecer. O mundo mitológico é maravilhoso e realmente as sereias são vistas como más, vai ser bem interessante saber o motivo que as tornou o que são, o que acham e como enfrentam tal situação.

    ResponderExcluir

 
© 2015 - Todos os direitos reservados 🐶 🐶 🐶 - Layout por Leh Pimenta