Menu

{Livro} Cante Para Eu Dormir - Angela Morrison

14 março 2016


Autor: Angela Morrison, Edição: 1, Editora: Pandorga, Ano: 2011, Páginas: 364, Tema: Drama

Estou sem palavras para comentar o livro Cante Para Eu Dormir, tão intenso, apaixonante e ao mesmo tempo sofrido, acompanhando Beth por seu ano escolar tem quebrado meu coração, fico imaginando no lugar dela, como sentir que não se encaixa em lugar algum e ser chamada de monstro, feia, o tempo todo, sem nunca ter feito nada para merecer. Beth é tratada como monstro só por que foge do padrão de beleza ditado. E ela é uma menina tão meiga, com um coração enorme, mas tudo quem eles veem são sua aparência.

Todo mundo já deve ter passado por uma fase complicada na escola, mas a dela está chegando ao extremo, de uma forma que ninguém merece de maneira nenhuma, algumas pessoas pensam que esse tipo de tratamento é normal, só uma brincadeira de criança inofensiva, só se for para quem faz porque para quem sofre não tem nada de inofensivo, isso marca uma pessoa para vida, deixando sequelas que muitas vezes só são tratados com muito aconselhamento medico.

São esses os sentimentos que tive ao ler o livro, revolta, dor, compaixão, solidariedade. Pesar, vergonha, por que quem não passou por isso, já viu alguém na mesma escolar passar e não fazer nada para ajudar.


Cante para eu dormir me levou as lágrimas que muitos livros que abordam temas como esse não conseguiram, eu não sei se vou ser capaz de terminar o livro, não sou capaz de ler sobre o sofrimento da Beth, ela não merece, ele não merece, quero matar a autora e a mesmo tempo beijar sua mão e agradecer pelo carinho que mostrou a escrever um livro como esse, foi uma lição de amor, de dedicação e de visão do mundo.

Seus personagens são intensos e suas páginas muito doloridas e o clima de que algo iria acontecer permaneceu o livro todo, ou até onde eu li até agora. Nunca escrevi uma resenha enquanto vou lendo, mas esse livro está pedindo ou melhor exigindo isso de mim, agora vou parar um pouco preciso me recuperar. Mais tarde eu volto conto mais sobre o que estou sentido.

Consegui terminar de ler, chorei litros e litros, mas o final foi lindoooo, mesmo triste, consegui ver como foi o desenvolvimento da Beth, como sua autoestima melhorou, como conheceu novos amigos e se apaixonou, quanto a Derek me deu uma lição de vida, de como devemos lutar pelo que acreditamos mesmo quando a luz no final do túnel não da mais para ser vistas, que cada dia deve se vivido como se o outro não existisse, por que para muitos ele é somente uma esperança muito longe, Scott ainda é meu menino de ouro, por sua capacidade de amar,  de perdoar e seu jeito todo carinhoso, quero um desse para mim, o sentimento de tristeza te prende o livro todo, mas não impede que acompanhe a obra ou que não sinta as alegrias que suas páginas traz, não foi minha resenha mais difícil a ser escrita, mas foi a que mais prendeu minha palavras por que nenhuma foi capaz de explicar o quanto o livro me tocou, e espero de coração que toque você também, e que seja mais um degrau em sua jornada de alto conhecimento!


A autora nos apresenta uma doença muito pouco conhecida, mas que tem feito muitas, muitas vitimas no mundo, por ser considerada rara ela tem muito pouco investimento de pesquisa para achar uma cura, como toda doença genética, ela é cruel e rápida, seus pacientes sofrem que ate um certo ponto sua escolha e morrer para acabar com o seu sofrimento e de seus parentes, Angela nos abençoou contando um pouco sobre seu amigo, um jovem de grande coração, que tocou a vida de verias pessoas e nunca deixou de lutar por seus sonhos, com suas canções lindas e sua coragem, eu aprende sobre uma doença  que nunca tinha ouvido falar e espero que você também aprenda.

Gostou do post? clique nas redes sociais abaixo e compartilhar com os amigos e assim você ajuda 
o blog crescer!♡! 

comentário(s) pelo facebook:

21 comentários:

  1. Nossa Leh! O que falar depois dessa resenha?
    Faz tanto tempo que quero ler esse livro mas ainda não tive coragem... Livros que fazem pensar, sentir, refletir, chorar... São os melhores.
    Tenho que estar preparada psicologicamente pra iniciar essa leitura e conhecer essa história triste e sofrida desses personagens. E tendo em mente, muitas lágrimas derramadas com esse final, que agora fiquei muito curiosa pra saber o que acontece.
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oh Vania que boa noticia que gostou da resenha.
      Você está certa é preciso esta com um psicológico muito forte para ler Cante para eu dormi, esse livro é lindo, mas também destruidor a historia e forte e muito triste.

      Excluir
  2. E não é que eu fiquei com vontade de conhecer mais a Beth? Apesar de se um tema que me deixa revoltada, pois já passei por situações parecidas. Acho importante ler a respeito ^^

    www.saidaminhalente.com

    ResponderExcluir
  3. fiquei super comovida já ao ler sua resenha quase não consigo comentar nada, deu muita vontade de conhecer a Beth e ver como ela fez para superar essa fase da vida. e olha que ultimamente eu tenho fugido de livros que fazem chorar, mas fiquei curiosa de ler a forma que a autora apresentou o tema. pois pelo visto ela fez isso de uma forma linda.
    obrigada pela dica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marina fez meu dia, fiquei muito feliz aqui sabendo que consegui te comover com a minha resenha, tentei passar ao máximo a personagem incrível que é a Beth e espero que você leia logo e me conte o que achou em!!


      Beijosssss

      Excluir
    2. =)
      q bom q eu te alegrei, assim q eu tiver oportunidade eu vou ler sim. (o problema é o tamanho da lista)
      bjs

      Excluir
  4. Esse livro é unanime. Li logo que foi publicado e tbm amei. Me ressenti com tudo o que Beth sofreu, por cada desaforo e humilhação que teve de engolir. Adorei Scott e torci muito pra que rolasse algo entre os dois.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jois eu também torce o livro todo pelo os dois.

      Excluir
  5. Eitaaa,agora fiquei super curiosa sobre qual doença é essa !!! E tudo pelo que você falou já fico imaginando o final e my God tenho coração mole para esses tipos de finais buáaaa

    Pelo visto,esse em questão de romance não se encaixa bem no meu estilo,pois não me parece ser o foco do livro e sim o sofrimento da protagonista,seus dilemas e sua superação... Sinceramente nÃo faço muito ideia de que tipo de sofrimento que os outros causavam á ela...bulling será?! Deve ser pela doença...mas realmente pelo que você disse esse livro deve ser bem sofrido,daqueles de fazer a gente esquecer que o personagem É fictício e querer pegar no colo e proteger rs

    Ótima resenha,mesmo não sendo do meu estilo a sofrência rs fiquei curiosa!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiee Dani,

      Eu não quis contar qual era a doença para não perde um pouco da essência do livro, não é foco do livro o romance, mas ele tem uma importância enorme na historia.

      Beijos gatinha.

      Excluir
  6. Deu para perceber que pela resenha Cante Para Eu Dormir é um livro bem emocionante, faz tempo que não leio um livro tão tocante, adorei conhecer o livro e a resenha está ótima, feliz com a recomendação, vou ler com certeza.

    ResponderExcluir
  7. Pelo visto o livro devia vir com uma placa de " desidratação a vista" porque já vi que o livro meche com o emocional do leitor. Tenho que dizer que mesmo que você tenha curtido o livro eu sinceramente não me interessei pelo enredo sabe, eu não curto livros tristes mana, sou fã de comédia. Eu então dispenso essa leitura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Devia mesmo Rissia chorei o livro todo, acho que não teve um capitulo que não me marcou.

      Excluir
  8. Demorei muito pra ler, mas quando finalmente li entendi porque falavam tão bem. Nossa, o tema dele é tão delicado e foi tão bem retratado. Já tinha lido um que falava dessa doença, mas nada tão emocionante assim. E você depois ver a história por trás desse livro dá uma coisa aqui no coração =/
    É de chorar mesmo, muita angustia e emoção em uma história bem escrita e envolvente. A unica coisa que me desapontou um pouco foi o final, achei meio corrido. Nada que estrague, mas foi um tanto rápido, sei lá. Vale a pena de qualquer forma, é uma linda história e fica o destaque para essa doença tão pouco conhecida, uma certa conscientização.

    ResponderExcluir
  9. Oi, Le!
    Apesar de não ter dúvidas de que Cante para eu dormir seja um livro apaixonante, não creio que estou preparada para lê-lo, pelo menos não atualmente, livros intensos e sofridos me deixam com uma baita ressaca literária por eu ser muito emotiva, e no presente não estou preparada para enfrentar uma. Mas vou anotar essa dica, amei sua resenha!
    Bjos!

    ResponderExcluir
  10. Já faz bastante tempo que eu li esse livro, e gostei bastante quando li. Eu gostei bastante dos personagens, e o final foi realmente lindo. Mas eu também chorei muuuuito nesse livro, acho que foi um dos livros que mais chorei. Eu amei o livro, mas não leria de novo =P

    Bjss.

    ResponderExcluir
  11. Não conhecia o livro e amei conhecer. É tão triste as pessoas levarem em conta apenas o padrão de beleza imposto pela sociedade e ainda agredir as pessoas que não se encaixam neste padrão. Lendo sua resenha percebi o quão intenso é o livro, fiquei com muita pena de Beth e torcendo por um final feliz, não sofrido. Amei muito sua resenha e a dica também.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  12. Oi Leh, a capa é linda eu achei a sinopse incrivel e pela sua resenha a historia parece ser daquelas que prendem a gente do começo ao fim com certeza vou ler obrigada pela dica bjs.

    ResponderExcluir
  13. Nossa, fiquei totalmente sem palavras com sua resenha, que sentido tem a vida agora? Ok sem drama, eu gostei muito sinopse e ainda mais da resenha, confesso que estou com medo de ler e chorar tanto quando você, mas tem leituras que vale a pena, esse livro despertou minha curiosidade ha algum tempo, porém estou com um pouco de receio de ler, mas eu vou dar um passo e desfrutar dessa leitura, espero gostar tanto quanto você gostou, só que com um pouco menos de lágrimas, por que meu histórico de choro em público é realmente vergonhoso.

    ResponderExcluir
  14. Aii Deus, eu amoooooo e detestoooo esse tipo de livro. Livros sobre bullying e demais preconceitos sempre mexem muito comigo, sempre, demais. Gosto de ler, aprendo, sofro junto, reflito, mas é muito doloroso, exaustivo e revoltante.
    Fiquei com medo de ler esse, mas vou anotar aqui, e quando estiver bem, "no momento", pronta, tentarei ler.
    bjoos

    ResponderExcluir
  15. A carga emocional desse livro parece enorme! Acho que não leria nesse momento, estou buscando coisas mais leves, mas definitivamente quero ler em um momento futuro.
    Gislaine | Paraíso da Leitura

    ResponderExcluir

 
© 2015 - Todos os direitos reservados 🐶 🐶 🐶 - Layout por Leh Pimenta